Vou mostrar algumas dicas e considerações sobre Foco Manual e Foco Automático.
O foco automático facilita a vida do fotografo em muitos casos, mais existe situações que o olhar precisa estar refinado para gerar boas imagens, e não ser traído pelos ajustes automáticos da câmera.

Ambientes escuros o foco fica perdido e não consegue identificar o elemente principal por exemplo. Outro aspecto complicado é quando o elemento principal está atrás de outros objetos na cena, para ajustar isso automaticamente é bem complicado.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Já o foco automático facilita sua vida em momentos que precisa de agilidade e não terá tempo para ajustar a foto e não deixa-la nitida, deixando sem foco o objeto principal, bom exemplo é fotografia de eventos.

Para câmeras DSLR você terá com certeza o ajuste manual, e com isso maior amplitude na composição da sua imagem.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Em fotografia de natureza objetivo é deixá-lo no infinito, assim você capta luzes mais longes e terá uma imagem mais nitida,  (paisagens, para fotos em macro muda completamente). A nitidez da imagem depende muito da proposta da composição não sendo uma regra geral e com suas exceções.

Para quem gosta de compor com tranquilidade o foco manual é perfeito para boas imagens em meio a natureza, já quem precisa se preocupar com a cena em questão poderá usar o foco automático, ambos irão atender seu momento na composição, só precisa saber qual usar e em qual momento usar.

 

Fotógrafo e viajante por natureza, sempre a procura do Melhor Destino para conhecer.
ci vediamo in giro

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here